Impulsione a criatividade dos seus colaboradores dando-lhes liberdade de escolha em suas premiações

Por em 15/07/2021

Com a ascensão do tradicional sistema espelhado em hierarquia e qualificações, uma nova estratégia de remuneração surgiu: Remuneração por competências e habilidades, gerando um mecanismo extremamente importante envolvendo remuneração aos objetivos estratégicos da organização, que estimula comprometimento dos funcionários com os resultados gerados. A motivação é um tema que sempre despertou muito interesse dada a sua relação com o comprometimento.

Segundo a revista valor empresas que atuam com ações de incentivo e premiações estão passando por um déficit criativo em desenvolver campanhas inovadoras na hora de explorar o melhor de cada um dos seus colaboradores. Já existe uma frase bem popular nas redes sociais das empresas de Marketing de Incentivo que é: Não tente adivinhar, a melhor escolha é aquela que seu colaborador decide, e isso pode ser aplicado em situações de desimaginativo. Além de proporcionar maior precisão no prêmio, gerando uma taxa de erro quase inexistente, e assim, causando os melhores resultados para sua empresa, uma vez que, seu funcionário estará 100% motivado com aquele prêmio que lhe foi designado.

 

 

Já falamos por aqui sobre como desenvolver uma campanha de incentivo de sucesso, mas muitos gestores ainda possuem dificuldades em desenvolvê-las pelo fato de ser um segmento ainda muito novo no mercado e não muito conhecido. Estamos sempre falando por aqui sobre dicas capazes de auxiliar empreendedores a desenvolver campanhas, mas não existe ajuda mais eficiente do que aquela que vem de dentro da sua empresa, isso mesmo, dos seus colaboradores. Ninguém além deles saberão qual a premiação mais coerente para aquele memento e que de fato poderão os ajudar verdadeiramente e estimulá-los da forma cogitada pelo seu chefe.

 

 

Segundo uma pesquisa desenvolvida pela Universidade Rice, as empresas gastam muito tempo e esforço para desenvolver campanhas de incentivo de qualidade para recompensar colaboradores que desenvolvem boa desenvoltura no trabalho. Segundo Jing Zhou, docente em administração pela universidade, os resultados da pesquisa mostraram que toda essa persistência em desenvolver campanhas de marketing de incentivo podem estar, de certo modo, mal colocadas pelo gestor que mostra não se importar e não oferecer opções de escolhas de premiações para seus colaboradores, além de deixar de desenvolver a capacidade criativa dessas pessoas.

A liberdade de escolha tem sido pauta em diversas ramificações da sociedade e ela, não só pode, como deve, ser enquadrada também no quesito premiação, uma vez que cada escolha gera responsabilidades. Cada decisão que tomamos, escolhemos critérios e alternativas que fazem profundo sentido para nós e para o coletivo, por conta disso, explorar a criatividade de um colaborador não significa dar total autonomia para que ele decida questões como valores e afins. Liberdade de escolha, meu caro, esse é o termo. Saiba usá-lo com cautela e responsabilidade que suas campanhas irão decolar.

 

 

Pesquisadores apontam que o sistema de premiações e motivador e de grande importância, tendo em vista que ele se relaciona diretamente com a crença de que o bom comportamento tenha como resulte em bons conquistas. Por isso, as empresas devem valorizar as necessidades tanto coletivas, quanto individuais de cada colaborador, contribuindo para o alcance do comportamento organizacional desejado.

 

Deixe o seu comentário e conte-nos o que achou deste artigo